ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Pinhão: Polícia Ambiental identifica corte irregular de madeira

A Polícia Ambiental deverá encaminhar Ofícios para a Delegacia de Polícia Civil de Pinhão e ao IAP de Guarapuava para as medidas cabíveis.

15/06/2018

O Batalhão de Polícia Ambiental, em atendimento a denúncia,  constatou no último dia 12 de junho através de uma equipe do Posto de Polícia Ambiental de Segredo o corte de pinheiros em área rural no município de Pinhão.

A equipe se deslocou até a área rural daquele município e constatou o corte isolado de 05 pinheiros (araucária angustifólia), espécie da flora ameaçada de extinção no Paraná.

No local haviam 09 toras totalizando 3,240 metros cúbicos. Os pinheiros foram cortados na margem de floresta em estágio médio e avançado de regeneração de vegetação secundária, do bioma mata atlântica. Foi constatado ainda o armazenamento de 32 palanques de imbuia de 2,00x0,10x0,10, totalizando 0,640 metros cúbicos.

A área, em questão, já foi fiscalizada anteriormente e segundo informações foi identificado o proprietário. No dia seguinte a equipe retornou ao local e dando continuidade a fiscalização, foram constatados mais 03 cortes isolados de pinheiro e o corte isolado de 06 imbuias (ocotea porosa) as quais foram derrubas e desdobradas no local. Não haviam pessoas nem veículos no local no momento da fiscalização.

No mesmo dia a Polícia Ambiental deslocou até outra área rural do município de Pinhão e constatou a supressão de vegetação nativa em estágio inicial e médio de regeneração e roçada de sub-bosque em área de preservação permanente (margem de córrego com menos de um metro de largura e de uma nascente), numa área compreendida de 2,101 ha, sem autorização do órgão ambiental competente.

Foram identificadas as seguintes espécies nativas: Arroeira (Schinus terebinthifolius), Pessegueiro bravo (Prunus myrtifolia), Vassourão (Vernonanthura discolor) e Guajuvira (Patagonula americana).

Em contato com um transeunte este informou quem seria o proprietário, o que foi confirmado posteriormente via fone.

Com relação as duas ocorrências a Polícia Ambiental deverá encaminhar Ofícios para a Delegacia de Polícia Civil de Pinhão e ao IAP de Guarapuava para as medidas cabíveis.

A Polícia Ambiental informa que as denúncias sobre crimes ambientais devem ser feitas através do telefone 181 ou pelo email: denunciaambiental@pm.pr.gov.br.

Galeria de Fotos

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar