ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Bituruna abre processo seletivo com 21 oportunidades de emprego

As inscrições serão recebidas apenas presencialmente, entre os dias 09 e 27 de julho

09/07/2018

por Jota Terres

A prefeitura de Bituruna (PR) abriu teste seletivo da Fundação Municipal de Saúde, para a contração de servidores através de PSS - Processo Seletivo Simplificado com 21 vagas imediatas em cargos de nível médio, técnico e superior, além da formação de cadastro de reserva.
As inscrições vão desta segunda-feira (9)  até o dia 27 de julho, devendo ser realizadas pessoalmente no Departamento de Recursos Humanos da Fundação Municipal de Saúde, das 8h às 12 e das 13h às 15h.
O processo seletivo será realizado em etapa única mediante avaliação de títulos. As contrações temporárias serão feitas para o período de um ano, podendo ser prorrogado por mais um ano. O resultado será divulgado no dia 3 de agosto de 2018. De acordo com o edital de abertura  os salários variam de R$ 1.161,77 até R$ 2.138,01 e todas as funções tem carga horária de 40h semanais. A Fundação Municipal de Saúde está localizada na Avenida Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 1319 em Bituruna (PR).

 Confira as oportunidades emprego:

VAGA
 

EXIGÊNCIA

Enfermeiro(a)

Curso superior em
Enfermagem completo
 

Técnico(a) em Enfermagem

Ensino médio e curso técnico em enfermagem completo
 

Auxiliar de clínica dentária

Ensino médio e curso profissionalizante em auxílio de clínica dentária
 

Agente de saúde

Ensino médio e curso de formação inicial de 40h
 

Agente de endemias

Ensino médio e curso de formação inicial de 40h

Segundo o secretário de saúde de Bituruna, Rodrigo Marcante, a Prefeitura Municipal realizou em 2017, o maior concurso público já feito para o município, mas Tribunal de Contas do Paraná (TCR) não autorizou a efetivação do processo. “No passado, nós realizamos o maior concurso público já realizado para Bituruna. Um concurso que atendia as várias demandas que uma cidade carece, mas o Tribunal de Contas infelizmente entrou com um pedido para que não fosse feito a homologação do concurso”.
Marcante, que também têm o cargo de vice-prefeito da capital da uva, diz que está trabalhando juridicamente para a liberação do processo de concurso, pois nada teria sido feito de errado. “Caso o TCR não acate o pedido, teremos que realizar um novo processo o mais breve”.
Confira a entrevista na íntegra que o secretário de saúde de Bituruna, Rodrigo Marcante cedeu a equipe de jornalismo da Rádio Cultura FM.

Anexo [download]

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar