ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Sem pagamento, funcionários do Hospital Santa Tereza iniciam greve nesta segunda-feira (18)

Greve começa ao meio dia de hoje (18). Serviços essenciais devem ser mantidos.

18/02/2019

Sem receber os salários do mês de janeiro, que deveriam ter sido pagos até o dia 7 de fevereiro, os funcionários do Hospital Santa Tereza, em Guarapuava, entraram em greve ao meio dia desta segunda-feira (18).  A informação foi confirmada nesta manhã pelo presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviço de Saúde de Guarapuava, Alcione de Jesus Domingues, e pelo administrador do hospital, Francisco Cogo.

A assembleia que decidiu sobre a greve foi realizada na última quinta-feira (14), com participação de cerca de 60 trabalhadores. Desde então não ocorreu o pagamento dos salários em atraso. São cerca de 360 funcionários que ainda não receberam os salários.

O administrado do hospital, Francisco Cogo, disse na manhã de hoje (18) à Rádio Cultura que mesmo com a greve o atendimento seguirá ocorrendo normalmente. “Vai depender muito da adesão da greve, mas estamos preparados para que todas as unidades do hospital funcionem normalmente”, disse. Ele afirmou que os serviços essenciais vão manter o atendimento e que a população pode procurar o hospital, caso precise.

Segundo ele o pagamento depende da liberação de pagamento pela Secretaria de Estado da Saúde. O administrador disse que a mudança de gestão gerou atraso para liberação dos recursos, como ocorreu nos mesees anteriores. Durante a manhã de hoje (18) o hospital vai buscar informações junto a secretaria sobre quando o pagamento vai ser feito.

Já os representantes do sindicato garantiram que 30% dos serviços do hospital devem ser mantidos, conforme prevê a lei. As Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e o Pronto Socorro devem manter o atendimento.

A reportagem da Rádio Cultura solicitou à Secretaria de Estado da Saúde qual o plano de contingência se a greve se iniciar e quais medidas estão sendo tomadas para auxiliar na resolução do problema. O Santa Tereza presta serviços pelo SUS, via contrato com o Estado.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar