ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Luis Kiari canta com Elba Ramalho e Fábio de Melo no álbum "Por aí"

Projetado como compositor na voz de Maria Gadú, artista paraibano regrava sucessos de Gonzaguinha e Lulu Santos entre nove músicas autorais

02/12/2021

Cantor, compositor e instrumentista de origem paraibana, Luis Kiari divide com a conterrânea Elba Ramalho a interpretação de Tomé, uma das 11 músicas do terceiro álbum do artista, Por aí, programado para ser lançado em 10 de dezembro, com capa que expõe Kiari em foto de Thayná Bonin︎.

Gravado com produção musical e arranjos do tecladista Dudu Viana (piano, synth e acordeom), o álbum Por aí também traz o padre cantor Fábio de Melo na música-título.

Das 11 músicas do disco, nove são autorais e duas são sucessos dos anos 1980. As regravações do álbum Por aí são Tempos modernos (Lulu Santos, 1982) – faixa em que Kiari reúne Bárbara Dias, Gugu Peixoto, Gustavo Fagundes, Marquinho OSócio, Roberta Spindel e Ziza Fernandes – e Nunca pare de sonhar (Sementes do amanhã), canção esperançosa de Gonzaguinha (1945 – 1992), apresentada em 1984 na voz do autor e também em gravação feita por Erasmo Carlos para o álbum Buraco negro (1984).

Da safra autoral de Kiari, há músicas na pisada do baião (Jacira), com a cadência do xote (Bela menina), no compasso da guarânia (Às vezes o amor) e com a pegada do blues (Fotografia).

O vasto time de músicos arregimentados para o disco Por aí inclui o violoncelista Federico Puppi, o guitarrista Fernando Caneca (também no violão), o percussionista Marcos Suzano e o acordeonista Mestrinho, entre outros instrumentistas.

Para quem não liga o nome ao som, Luis Kiari é o compositor que ganhou projeção nacional quando Maria Gadú gravou a canção Linda rosa, parceria de Kiari com Gugu Peixoto, no primeiro álbum da artista, lançado em 2009.

Por aí é o primeiro álbum de Luis Kiari desde De dentro (2019), disco de sotaque violeiro com o qual o artista cruzou a porteira do grande sertão brasileiro.


Fonte g1

Comentários